Melhores Plugins Grátis para Turbinar seu Site WordPress

Nesse artigo irei abordar sobre os Melhores Plugins para WordPress. Que por sua vez é utilizado por aproximadamente 25% dos sites da web. Trata-se um dos melhores sistemas de gestão de conteúdo e que pode funcionar como uma verdadeira fonte de vendas.

Além dos temas focados em negócios e um sistema fácil de manusear, o WordPress tem mais uma característica que faz dele a melhor opção para quem desejar criar um negócio online de sucesso: a acesso a dezenas de milhares de plugins grátis e pagos.

Bem, se você está começando, ou mesmo que já esteja no mercado, é bom estar por dentro do que é um plugin:

Plugins são ferramentas que oferecem funcionalidades para que o usuário possa personalizar seu site com funções específicas. Eles agregam ou modificam recursos em um site, e com ele é possível fazer coisas que podem facilitar muito na conquista de resultados.

Só para você entender, o WordPress não oferece uma ferramenta nativa que faça a análise de SEO dos seus artigos. Para resolver isso, é preciso instalar um plugin. O mais famoso, nesse caso, é o Yoast SEO. Se você o implementar, conseguirá saber exatamente se seu conteúdo está ou não otimizado para o Google.

No começo do desenvolvimento web, era preciso fazer tudo do absoluto zero. Mas com o surgimento de linguagens específicas, a coisa começou a ficar mais simples. Atualmente é disponibilizada uma tonelada plugins e você, que tem um site WordPress não precisa “rachar a cuca” para conseguir o que precisa.

Para te provar isso, vou listar abaixo 17 plugins que você deve considerar logo que colocar o seu primeiro site WordPress no ar. Bem provável que você não use todos eles, mas é possível que vários deles te ajudem a alcançar seus objetivos como empreendedor digital.

Está pronto?

Então conheça agora os plugins gratuitos de WordPress que vão elevar o seu negócio online!

1. Yoast SEO (para otimização)

Sei que já citei ele acima, mas a utilidade deste plugin é tão perfeita, que vale a pena dedicar um tópico inteiro. Se você ainda não entendeu para que ele serve, deixe resumir sua função em apenas um parágrafo:

O Yoast é a ferramenta responsável por deixar seu texto perfeito aos olhos do Google. Não importa se o seu objetivo é otimizar seu blog pessoal, ranquear bem o site da sua empresa ou melhorar os resultados de busca para um cliente, ele é capaz de tornar o blog amigável para os motores de pesquisa.

Existem duas grandes chaves para alcançar o sucesso na web: um conteúdo de qualidade e um bom SEO, e o Yoast te ajuda com as duas coisas. Por isso ele encabeça a lista de plugins deste post. Se você ainda não usa este recurso em seu blog WordPress, trate de baixar ao terminar a leitura.

Link para Download.

2. W3 Total Cache (para experiência de usuários)

Se você já deixou um site simplesmente por ele ser lento, deve ter ideia da diferença que a experiência de usuário faz. Você não quer que seu site WordPress seja abandonado por ter o carregamento lento, é claro. Por isso é preciso adotar recursos que evitem isso.

O plugin W3 Total Cache foi feito para te ajudar neste quesito. Ele reduz o tempo de carregamento da sua página ao compactar os arquivos CSS e JavaScript, reduzir o acesso ao banco de dados, utilizar o cache dos navegadores e usar um serviço CDN.

Se parece muito técnico, fique tranquilo, basta saber que ele deixa seu site mais rápido e isso influencia positivamente nos resultados de tráfego, geração de leads e conversão de vendas no seu negócio digital. Como você obviamente gosta da ideia, é bom incluir ele na lista de plugins.

Link para Download.

3. Disqus (para comentários)

O Disqus é um sistema de comentários que muitos empreendedores estão adotando em seus blogs. O sistema vem se tornando popular devido à sua facilidade de uso, poder de personalização e integração com diversas contas.

Alguns o consideram o melhor plugin grátis de comentários para WordPress, pois possui algumas ferramentas bem interessantes, como votação dos comentários, adição de imagens nos comentários e ordenação por ordem de relevância ou mais bem votados.

Para começar a usar, basta acessar o link que vou deixar abaixo e escolher em qual plataforma você deseja integrar. Você pode inserir o código HTML manualmente ou baixar o plugin para WordPress.

Link para Download.

4. Akismet (para comentários)

Akismet, ou Automattic Kismet, é um serviço de filtro de spam. A ferramenta foi criada pela Automattic, organização que emprega a maior parte dos desenvolvedores da plataforma de WordPress.

O Akismet diz ter capturado mais de 25 bilhões de comentários e pings spam desde o mês de abril de 2011. Trata-se de um dos melhores plugins grátis anti-spam que auxilia a manter somente os comentários relevantes nos artigos do seu blog.

Este plugin pode ser muito útil para seu negócio, já que ele “trava” as mensagens indesejadas e permite apenas comentários sérios. Para usar o Akismet, é preciso obter uma chave da API no site.

Link para Download.

5. Contact Form 7 (para formulários de contato)

Ter um formulário de contato no seu website é extremamente importante para que os seus leitores e possíveis parceiros o possam entrar em contato de forma fácil e eficaz. Parece algo óbvio, o que de fato é, mas muitos empreendedores acabam falhando nisso.

O Contact Form 7 é o plugin mais popular para formulários de contato do WordPress. Como criar formulários geralmente é bem complicado para quem não tem conhecimento técnico, este plugin te ajuda muito dando a coisa “praticamente pronta”.

Com ele, você não precisa quebrar a cabeça para gerar formulários de contatos para os visitantes do seu blog. Ele permite criar formulários ilimitados, integrar em páginas, artigos, widgets e page builder, e é fácil editar mensagens, erros, spam e validação de campos.

Link para Download.

6. MailChimp for WordPress (para geração de leads)

Se você está há algum tempo no marketing digital, já deve ter ouvido falar no MailChimp. Em muitos casos, ele é primeira opção para se praticar o e-mail marketing. Logicamente é um ótimo plugin para conseguir assinantes no seu blog.

Com ele você consegue criar formulários de cadastro totalmente personalizáveis e exibi-los em diversos locais do blog por meio de shortcodes ou widgets, por exemplo. Um recurso bem interessante para gerar leads.

Em no máximo 30 minutos qualquer pessoa com conhecimento básico de web pode criar e enviar uma campanha dentro do site com o MailChimp. É simples e rápido e te permite 12.000 disparos grátis.

Link para Download.

7. Social Warfare (para botões de compartilhamento)

Social Warfare

Se você quer um plugin com botões de compartilhamento, deve considerar este, apresento o Social Warfare. Ele permite que você exiba botões para que seus conteúdos sejam compartilhados nas redes sociais.

Os botões podem ser exibidos dentro de seus posts ou páginas, tornando a ação muito mais fácil para os seus leitores. Interessante que o plugin dá suporte a várias redes sociais.

Link para Download

8. Shareaholic (para compartilhamento de posts)

Fechando a dupla de plugins para compartilhamento que separei para este post, destaco o Shareaholic. Uma ferramenta que permite colocar botões de compartilhamento em cada post publicado no blog.

O que chama atenção nele são os recursos especiais, como a possibilidade de fixar uma frase motivadora ao lado dos botões, como “Sharing is caring”, mas infelizmente apenas em inglês; Ele também possibilita mostrar a quantidade de compartilhamentos realizados.

Além disso, também podemos configurar um convite para que os leitores sigam nossas redes sociais. Esse convite aparece logo depois do compartilhamento, assim temos divulgação dos nossos posts e novos seguidores. Bacana, não é?

Link do plugin

9. Social Auto Poster – WordPress Plugin (para postagens automáticas)

Se você faz o tipo empreendedor ocupado e que gostaria de otimizar seu tempo na hora de divulgar os posts do seu blog nas redes sociais, este plugin grátis vai fazer seus olhos brilharem. Eu particularmente acho a função dele bastante interessante.

Com o Social Auto Poster você posta de forma automática, todo e qualquer conteúdo do seu site em suas redes sociais. E o legal é que você pode agendar qual o post e quando deve ser publicado. Este plugin grátis pode ser integrado às seguintes redes sociais: Facebook, Twitter, LinkedIn, Tumblr, Delicious, FriendFeed e BufferApp.

Esse serviço ajuda você a alcançar uma maior audiência e avisar a todos os seus amigos, leitores e seguidores sobre o novo post que acabou de lançar. Para quem gosta da palavra produtividade, como eu, recomendo. 

Link para Download

10. Contextual Related Posts (para o tráfego interno)

O tempo de permanência no seu blog é um elemento-chave para melhorar o ranqueamento nos motores de busca e possibilitar maiores chances de conversão. Ou seja, quanto mais o visitante/leitor ficar dentro do seu site, mais oportunidades de negócios você tem.

O Contextual Related Posts é um plugin é excelente para aumentar o tráfego interno no seu blog. Para você ter ideia, só de adicionar os artigos relacionados no final do artigo, ele pode aumentar em até 10% a navegação interna do seu blog.

Basta instalar e ativar para começar a usar o recurso para atrair a atenção dos usuários e melhorar SEO e linkagem interna dos posts relacionados. Muitas vezes, as pessoas entram em seu site por causa de um artigo, mas chegando lá se deparam com diversos outros que acabam chamando a atenção. Este plugin facilita isso.

Link para Download.

11. Squeeze WP (página de captura)

Para quem está começando seu negócio online e travado na construção de uma página de captura, está um plugin que pode ser extremamente útil. Alguns afirmam ser um dos mais plugin grátis de página de captura que você pode trabalhar.

O Squeeze WP se destaca pela simplicidade, facilidade e rapidez com que permite criar páginas de conversão de alta performance (em menos de 5 minutos é possível criar páginas para gerar conversões em seu site ou blog).

Você encontra este plugin tanto em versão gratuita, que é excelente, quanto em versão premium, que conta hoje com mais de 20 modelos prontos, que vai desde páginas de captura, até páginas de webinários, congressos, vendas, entrega de oferta de conteúdo (recompensa ou isca digital), página de agradecimento e muito mais.

Link de download

12. Google XML sitemaps (para SEO)

Voltando ao assunto SEO, mas agora para um trabalho mais profundo, falo do Google XML para sitemaps. Muitos empreendedores digitais desconhecem a função de um sitemap. Eu explico: é uma lista de todas as páginas (URLs) do seu site.

Essa listagem funciona como um mapa para que as ferramentas de busca consigam encontrar as páginas facilmente. Com o plugin Google XML sitemaps, você pode gerar rapidamente um sitemap e enviá-lo ao Google e Bing Webmaster Tools.

Este plugin atualiza seu mapa toda vez que houver uma alteração no seu site. Deu para entender como ele é útil para seu negócio, não é? Bem, se você quer fazer um bom trabalho de SEO, fundamental que inclua o Google XML em sua lista de ferramentas para WordPress.

Link de Download

13. Broken Link checker (para monitorar links quebrados)

Este plugin WordPress faz exatamente o que seu nome sugere: monitora os links que estão quebrados no seu site. Todos os sites acabam tendo alguns links quebrados ao longo do tempo, ou conteúdos que você fez referência e saíram do ar, por exemplo. Já que nem sempre você consegue identificar, é bom ter uma ferramenta que auxilie nisso.

Ter links quebrados em sua plataforma é ruim tanto para seus leitores, que podem ficar frustrados com a leitura, já que acabarão indo para uma página que não existe. Além disso, esse problema atrapalha o SEO.

O Broken link Checker permite programar quando o monitoramento será realizado. Ao fazer a checagem, ele e envia as notificações para seu e-mail se encontrar alguma coisa errada. Daí o que você precisa fazer é ir até o local e corrigir.

Link de Download

14. iThemes Security (para segurança do site)

Imagina perder o seu site inteiro, assim do nada. Dá desespero só de pensar, não é mesmo? Pois é, para que isso não aconteça você precisa adotar medidas de segurança, e nesse caso, existe uma série plugin grátis ou pago.

Por conta de o WordPress ser uma plataforma bastante popular, se torna alvo de hackers. Para você se proteger de ataques desses caras, você pode contar com o iThemes Security. Além de diversas funcionalidades, ele permite que você faça backup do seu site para não correr risco de perder todo seu trabalho.

De forma bem simples você pode configurar a segurança do seu site e evitar ver descer pelo ralo seu projeto construído com muito carinho, tempo e dedicação. Para fazer o download do plugin, basta acessar o link descrito abaixo:

Link do plugin

15. Header Footer Code Manager

O Header Footer Code Manager da 99 Robots é uma interface fácil para adicionar códigos ao cabeçalho ou rodapé ou acima ou abaixo do conteúdo da sua página.

Nós usamos este plugin para adicionar diversos códigos em nossos sites como por exemplo, o Pixel do Facebook e as TAG´s do Google Ads.

Link de Download

16. Shortlinks by Pretty Links

plugin pretty links

O Pretty Links permite que você encurte links usando seu próprio nome de domínio (em vez de usar tinyurl.com, bit.ly ou qualquer outro serviço de encurtar links).

Além de criar links “limpos”, o Pretty Links rastreia cada ocorrência em seu URL e fornece um relatório completo e detalhado de onde a ocorrência ocorreu, o navegador, o SO e o host. 

O Pretty Links é um plugin fundamental para pessoas que desejam monitorar seus links de afiliados, rastrear cliques de e-mails, seus links nas Redes Sociais.

Qual o máximo de plugins WordPress que você pode usar?

Não se engane, os plugins também podem atrapalhar e trazer problemas para o seu site. É preciso estabelecer um limite e entender que nem sempre sair enchendo seu site WordPress será a melhor coisa.

Para você ter uma noção, só no diretório WordPress é possível encontrar mais de 40.000 plugins gratuitos. Eles estão ali, disponíveis, apenas esperando para que os baixemos e comecemos a usá-los. Isso pode ser bem tentador!

Existem casos de desenvolvedores que colocam mais de 100 plugins e os mesmos funcionam bem.

Mas, da mesma forma, o site pode ficar lento, cheio de problemas com pouquíssimos plugins.

Então, é preciso saber o que é importante na hora de escolher o uso ou não de plugins e qual o número máximo a utilizar.

Este é um assunto longo e um pouco complexo, mas já para te dar uma luz, levando em consideração alguns pontos cruciais, como confiabilidade, segurança e desempenho, o número médio de 10 plugins é considerado como máximo para um site de pequeno ou médio porte.

O que recomendo é somente usar plugins estritamente necessários, adote uma postura minimalista quanto a plugins, quanto menos, melhor.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *